Notícias

Hercílio Luz e Concórdia conquistam o Acesso à Série A

Hercílio Luz e Concórdia estão de volta à elite do futebol catarinense. Em 2018, eles se unirão a Chapecoense, Avaí, Figueirense, Criciúma, Joinville, Brusque, Tubarão e Internacional de Lages para disputar o Campeonato Catarinense da Série A.
Hercílio e Concórdia superaram seus adversários nas Semifinais e passaram para as Finais. Atuando em casa, o Hercílio poderia até perder por um gol, mas derrotou o Camboriú por 3 a 1, gols de Jefferson Baiano, Saci e Hyago para o Hercílio. Jessé descontou para a Cambura.
O jogo em Concórdia foi muito disputado. O time da casa precisava vencer para reverter a vantagem do Marcílio. E conseguiu o seu gol no primeiro tempo com o atacante Abner. No segundo tempo, o time do Oeste continuou atacando e desperdiçou uma série de oportunidades. O Marcílio continuou vivo e começou a levar perigo à meta defendida por Zé Carlos. O jogo foi emocionante até o apito final, mas terminou mesmo com 1 a 0 para o time da casa.
As finais estão marcadas para os dois próximos finais de semana. Por ter uma campanha melhor na fase classificatória, o Concórdia joga por dois resultados iguais para ser campeão catarinense da Série B 2017. O primeiro jogo será em Tubarão.
CAMPANHA DO HERCÍLIO LUZ
O Hercílio Luiz é o clube mais antigo em atividade em Santa Catarina. Em 2018, o Leão do Sul completa 100 anos. E o grande sonho era esse conquistado na tarde de hoje: a volta à elite do futebol catarinense. Para conseguir uma das vagas, o Hercílio contratou o técnico Agnaldo Liz e fez parceria com o Internacional de Lages, de onde trouxe cinco atletas que estavam disputando o Brasileirão da Série D. Com Agnaldo no comando técnico, o Hercílio conquistou o turno e garantiu vaga nas semifinais. No returno, o time caiu de rendimento, e Paulo Sales assumiu o comando técnico em 1º de setembro. A grande contratação do clube foi o zagueiro André Luís, 37 anos, bicampeão brasileiro com o Santos, companheiro de Robinho e Diego. Depois, veio Wellington Saci. Na década de 1950, o clube alcançou a sua principal façanha: o bicampeonato estadual de 1957 e 1958. Desde 1993, o Hercílio Luz não participava do Campeonato Catarinense da Série A.
CAMPANHA DO CONCÓRDIA
Concordia veio de uma boa campanha na Copa Santa Catarina Sub-20, chegando às semifinais e mantendo uma boa base para disputa da Série B. Foram contratados e incorporados aos remanescentes da Copinha 14 atletas, sendo que cinco acima dos 23 anos. A preparação começou no dia 29 de maio, com o time treinado por Gilmar Silva. A partir da quarta rodada, Mauro Ovelha assumiu o comando técnico e conseguiu uma campanha fantástica. Até as semifinais, conquistou 10 vitórias, quatro empates e foi derrotado apenas uma vez. A campanha fez com que o Galo do Oeste conquistasse o returno e garantisse a liderança na classificação geral. Os principais nomes da campanha, além de Mauro Ovelha, foram o goleiro Zé Carlos, o zagueiro Neguetti e os atacantes Marcos Paulo e Abner.


Foto: Matheus Madeira


Notícia enviada por: Paulo em 01/10/2017
Com a vantagem conquistada no primeiro jogo da final, quando derrotou o Hercílio...
A solenidade de encerramento do Estadual da Série B 2017 será realizada nesta se...
A Diretoria da Associação de Clubes de Futebol Profissional de Santa Catarina (S...
Associação de Clubes de Futebol Profissional de Santa Catarina
Av. Gov. Ivo Silveira, 3.600 - sala 101 - Capoeiras
88085-002 - Florianópolis
Fone/Fax 48 - 3025.7858